Anthony McCall

Anthony McCall é conhecido por seus solid light films (filmes de luz sólida), uma série de instalações que teve início em 1973, com Line Describing a Cone.

Nascido no Reino Unido em 1946 e morando em Nova York desde 1973,  Anthony McCall é pioneiro no uso da luz como médium, Tanto esculturalmente como temporalmente. Ele começou a sua carreira em Londres onde inspirado pelos cineastas estruturalistas desenvolveu seus primeiros trabalhos confrontando a narrativa convencional do cinema, com uma das condições de um filme: a luz projetada.

« Line Describing a Cone é o primeiro filme a existir no espaço real, tridimensional. Esse filme existe apenas no presente: o momento da projeção.  Neste filme, cada posição do espectador dá origem a um aspecto diferente. Assim, o espectador tem um papel participativo na apreensão do evento: ele pode, aliás precisa, se deslocar em relação à forma luminosa que surge lentamente. »

De Anthony McCall, além de, Line Describing a Cone 2.0, a nova versão digital de um filme feito em 1973 em 16mm e que foi mostrada na Tate Gallery em 2010; serão mostradasEarthwork (1972), Landscape for Fire (1972) e Landscapes for White Squares (1972). As 2 Landscapes são performances de durações extendidas que se relacionam com o seu projeto Ambient Light de transformação do espaço com a luz.

Esta exposição foi realizada no Recife em Maio e Junho 2011 na , que apoia projetos de criação de obras de arte interativas ou transmidiáticas, e que a reatualizará para o Spa das Artes. Durante a exposição será publicada uma entrevista inédita com o artista realizada por B³.

Anthony McCall, nos últimos anos, fez exposições individuais na Galeria Sean Kelly em Nova York; na Galeria Serpentine, em Londres; no Centro Pompidou, em Paris; na Galeria Thomas Zander, em Colônia; e na Galeria Martine Aboucaya, em Paris, na Luciana Britto em São Paulo. Também esteve representado em exposições como: Into the Light: the Projected Image in American Art, 1964-77, no Museu Whitney, em Nova York, 2000-2001; Projections: Beyond Cinematic Space, no Hamburger Bahnhof, Berlim, 2006-2007; e The Cinema Effect: Illusion, Reality and the Projected Image, no Museu Hirshhorn, Washington DC, Estados Unidos, 2008, Off The wall Museu Serralves 2011.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s