Mamam no Pátio recebe nova exposição essa sexta 03/02

Antes de seu estudo de artes plásticas, Clemens Krauss estudou medicina. No contexto de um intercâmbio ele esteve no Recife atuando na Maternidade de Encruzilhada, em 1997, dando a luz a um menino o qual foi batizado pelo nome de ‘Clemens’.  Depois da saída da mãe e da criança da maternidade, perdeu-se o contato entre a família brasileira e o jovem médico Clemens Krauss, que retornou à Europa.

 Neste meio tempo, Clemens Krauss abandonou a medicina, estudou artes plásticas e se tornou um dos maiores expoentes da arte contemporânea vivendo há anosem Berlim.  Emsua carreira destacam-se mostras individuais em renomadas instituições na Europa, Ásia, Austrália e Brasil. Sua obra pertence a diversos acervos de museus internacionais.

O projeto Clemens, o qual consiste na realização de um filme, baseia-se na descrição de um processo metafórico de busca temporal e local do jovem Clemens, hoje com 14 anos de idade. Depois de um ano buscando algum contato do menino ou de sua família nas redes sociais, Clemens Krauss finalmente o encontrou. Em sua volta ao Recife em janeiro em 2012, o reencontro entre os dois Clemens aconteceu.

A exposição Clemens, no MAMAM no Pátio, é completada por fotografias e três outros vídeos que consistem numa viagem autobiográfica, evocando o caráter fragmentado de recordações em relação à identidade, sociedade e experiências pessoais.

Video (still)

Look-alikes

What remains of the Irrational

Clemens Krauss com o jovem Clemens

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s